Agende e consulte com especialistas mais próximos de você

Destaques da revista

12/06/2014 00:00

Soja - Além de possuir bastante benefícios, possui também malefícios, confira!

Soja
Além de possuir bastante benefícios, possui também malefícios, confira!

Apesar dos tempos difíceis, onde algumas pessoas lutam por uma vida saudável, existem certos tipos de alimentos que auxiliam essa procura, apesar também das diferentes opiniões, nada pode ser levado tão a sério, portanto todas as coisas tem seu lado ruim e seu lado bom. Conheça agora as duas faces da soja.
A composição da soja agrada muito os nutricionistas. Em grãos ela tem 40% de proteínas, 34% de carboidratos, 15% de minerais e fibras. Totalmente livre de gorduras insaturadas e colesterol. Além do mais, os ácidos oleosos presentes na soja fazem com que haja de forma beneficente sobre os níveis de colesterol sanguíneo de quem a consome. No leite de soja, os carboidratos diminuem para 2,5%.

Benefícios

A soja possui muitos benefícios, tais como a diminuição dos riscos de uma possível doença cardiovascular, ela é muito importante para a saúde do coração e do sangue. O consumo natural de soja diminui também as taxas de LDL (colesterol mau), que regulariza o colesterol no organismo.
Seu consumo adequado previne contra o aparecimento de alguns tumores, especialmente os na próstata e nas mamas. E previne o tumor no intestino, já que é rica em fibras.
O fitoestrogênio, substância vegetal com efeitos semelhantes aos do hormônio feminino estrogênio, previne da osteoporose, auxiliando na conservação da estrutura óssea.
A soja é importante também no controle da diabetes, pois a fibra que ela possui, reduz a velocidade de absorção da glicose.
Ela é rica em minerais (cálcio, fósforo, ferro e outros), em proteínas e em vitaminas do complexo B, importantes para o bom funcionamento do organismo.
Malefícios

Sabe-se que a soja possui mais proteínas do que a carne, portanto se tornou um alimento excelente para quem adere as dietas vegetarianas. Como todos sabem que tudo em excesso não é bom, a soja em excesso acaba fazendo mal, ao invés de bem, aliás nenhum alimento deve ser consumido em excesso e usado como base numa dieta.
Quando a soja é consumida em excesso, ela interfere na absorção dos outros nutrientes, podendo gerar deficiências de minerais devido a quantidade de anti-nutrientes presentes na soja. Ela apresenta também alguns inibidores enzimáticos, que no caso de seu consumo excessivo impede a ação das enzimas essenciais. Pode diminuir também a capacidade de digestão das proteínas, e causar deficiências em aminoácidos. Além do mais, o excesso da soja pode acarretar numa série de problemas hormonais, sem contar que pode desenvolver alguns tumores.
É muito importante conscientizá-los desses malefícios, para que consigam evitar que algo de pior aconteça ao organismo de vocês. A soja faz bem, junto com outros tipos de alimentos saudáveis, numa dieta variada, não só soja o tempo todo. Opte por seguir uma dieta diferente, diversifique-a com leite de amêndoa, cânhamo, linhaça, aveia, arroz e outros.

Soja
Além de possuir bastante benefícios, possui também malefícios, confira!

Apesar dos tempos difíceis, onde algumas pessoas lutam por uma vida saudável, existem certos tipos de alimentos que auxiliam essa procura, apesar também das diferentes opiniões, nada pode ser levado tão a sério, portanto todas as coisas tem seu lado ruim e seu lado bom. Conheça agora as duas faces da soja.
A composição da soja agrada muito os nutricionistas. Em grãos ela tem 40% de proteínas, 34% de carboidratos, 15% de minerais e fibras. Totalmente livre de gorduras insaturadas e colesterol. Além do mais, os ácidos oleosos presentes na soja fazem com que haja de forma beneficente sobre os níveis de colesterol sanguíneo de quem a consome. No leite de soja, os carboidratos diminuem para 2,5%.

Benefícios

A soja possui muitos benefícios, tais como a diminuição dos riscos de uma possível doença cardiovascular, ela é muito importante para a saúde do coração e do sangue. O consumo natural de soja diminui também as taxas de LDL (colesterol mau), que regulariza o colesterol no organismo.
Seu consumo adequado previne contra o aparecimento de alguns tumores, especialmente os na próstata e nas mamas. E previne o tumor no intestino, já que é rica em fibras.
O fitoestrogênio, substância vegetal com efeitos semelhantes aos do hormônio feminino estrogênio, previne da osteoporose, auxiliando na conservação da estrutura óssea.
A soja é importante também no controle da diabetes, pois a fibra que ela possui, reduz a velocidade de absorção da glicose.
Ela é rica em minerais (cálcio, fósforo, ferro e outros), em proteínas e em vitaminas do complexo B, importantes para o bom funcionamento do organismo.
Malefícios

Sabe-se que a soja possui mais proteínas do que a carne, portanto se tornou um alimento excelente para quem adere as dietas vegetarianas. Como todos sabem que tudo em excesso não é bom, a soja em excesso acaba fazendo mal, ao invés de bem, aliás nenhum alimento deve ser consumido em excesso e usado como base numa dieta.
Quando a soja é consumida em excesso, ela interfere na absorção dos outros nutrientes, podendo gerar deficiências de minerais devido a quantidade de anti-nutrientes presentes na soja. Ela apresenta também alguns inibidores enzimáticos, que no caso de seu consumo excessivo impede a ação das enzimas essenciais. Pode diminuir também a capacidade de digestão das proteínas, e causar deficiências em aminoácidos. Além do mais, o excesso da soja pode acarretar numa série de problemas hormonais, sem contar que pode desenvolver alguns tumores.
É muito importante conscientizá-los desses malefícios, para que consigam evitar que algo de pior aconteça ao organismo de vocês. A soja faz bem, junto com outros tipos de alimentos saudáveis, numa dieta variada, não só soja o tempo todo. Opte por seguir uma dieta diferente, diversifique-a com leite de amêndoa, cânhamo, linhaça, aveia, arroz e outros.


© Copyright 2011
Todos os direitos reservados

 

Fale Conosco

E-mail
meuguiadesaude@gmail.com

Telefones
(65)  98409-0021



Redes Sociais